PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 8812-5277


terça-feira, 24 de novembro de 2020

Candidatos infectados por covid-19 terão nova chance de fazer Enem

Com um aumento do número de contaminados pelo coronavírus nas últimas semanas, a preocupação com a realização do Enem, com quase 6 milhões de inscritos, também cresce. Jaynne Leonardo, de Mato Grosso do Sul, tem duas doenças autoimunes, e ficou temerosa em fazer a prova do Enem este ano. Para evitar o risco de contrair Covid, ela solicitou um atendimento especial, com sala individualizada.  O Inep – órgão responsável pela realização das provas – afirmou que vai reforçar ações para garantir a segurança dos estudantes, como o aumento da distância entre os candidatos nas salas em que serão realizados os exames, e a obrigatoriedade do uso de máscara durante a prova, como explica o presidente substituto do Inep, Camilo Mussi. Os estudantes poderão levar álcool em gel para as salas, mas o Inep vai garantir a disponibilidade do produto. As provas impressas do Enem serão nos dias 17 e 24 de janeiro de 2021. As provas digitais, uma inovação deste ano, serão nos dias 31 de janeiro e 7 de fevereiro. Se alguém for acometido de uma doença infectocontagiosa, como a Covid, perto da data da prova, também poderá pedir para participar da reaplicação do exame, que será feita em 24 e 25 de fevereiro. Quem ainda apresentar a necessidade de um atendimento especial, como em caso de gravidez ou de uma nova comorbidade, e que não havia informado na inscrição do Enem, pode solicitar uma análise da situação ao Inep pelo telefone 0800-616161.

Agência Brasil

Nenhum comentário: