PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 8812-5277

domingo, 18 de outubro de 2020

B.O. - Ocorrências registradas em Ivaiporã

A Policia Militar de Ivaiporã registrou nesse final de semana, várias ocorrências, como ameaça, abordagem de suspeito, conduzir veiculo sob influencia de álcool, e outros. AMEAÇA - A solicitante procurou a equipe para fazer o registro das ameaças que vem sofrendo de seu ex marido, por não aceitar a separação e querer reatar a relação. ABORDAGEM DE SUSPEITO - A equipe orientou um proprietário de uma residência que estava com som muito alto, tendo ele acatado a orientação. CONDUZIR VEÍCULO SOB INFLUENCIA DE ÁLCOOL - A equipe PM diante das informações que um indivíduo portando uma arma de fogo, identificando-se como policial e conduzindo o veículo Fiat/Siena, de cor branca, tentou realizar abordagem em pessoa, na cidade de Lidianópolis, a equipe PM visualizou o referido veículo na Avenida Brasil,1250, em frente ao Banco do Itaú, e que ao realizar abordagem pessoal e veicular foi encontrado um simulacro de arma de fogo (pistola) confeccionado em papelão na cor preta, um coldre na preta, e uma faca com a bainha ambas cor preta, todos esses objetos encontrados no assoalho do veículo no banco do condutor. Diante do exposto a equipe PM ofereceu ao condutor o exame de etilometro ELEC. BAF-300 NS:04025, devido apresentar sintomas de embriaguez, tais como odor etílico, vestes em desordem, olhos avermelhados, falas desconexas, mas que ele recou-se a realizar o referido exame, então foi encaminhado para Delegacia de Polícia Civil de Ivaiporã, juntamente com os objetos apreendidos para providências de Polícia Judiciária. ABORDAGEM DE SUSPEITO - O solicitante relatou que estava havendo uma discussão na casa da vizinha. A equipe foi até o local, onde a suposta vitima relatou que de fato havia discutido com seu marido, mas que não foi ameaçada e nem agredida. Assim não havia interesse em representar contra o marido. AMEAÇA - A equipe ROTAM foi solicitada via Copom para deslocar-se ate ao bairro Monte Castelo onde um individuo estava ameaçando as pessoas na rua, xingando, arremessando pedras, invadindo residências e ameaçando quebrar o vidro dos veículos que estavam nas proximidades. Ao chegar no local esta equipe policial foi abordada por varias pessoas, sendo uma delas, informou que o autor estava ameaçando-a de agressão, que o mesmo sem motivo algum foi até a frente de sua residência e jogou um cigarro em seu quintal tentando acerta-la, em seguida passou a xinga-la de biscate, gorda, feia, vagabunda, repetindo essas palavras por diversas vezes. Em seguida disse que iria agredi-la e que gostava de bater em mulher com pedaço de pau e arrancou um pedaço de balaústra e após ela fugir em direção a casa de seu irmão para procurar socorro ele pegou uma pedra e ameaçou jogar em sua direção. Relata ainda que ao chegar na casa de seu irmão ele tentou invadir, e quando foram tentar impedi-lo , novamente pegou pedras e ameaçou jogar na residência e no para-brisa dos veículos. A mulher manifestou interesse em representar. diante desses fatos denunciados esta equipe realizou patrulhamento e após localizar o autor, foi dado voz de prisão ao mesmo que foi encaminhado ao cartório da 6° CIPM para lavratura de TCIP. Foi necessário uso de algemas conforme súmula vinculante n°11 do STF. CONDUZIR VEÍCULO SOB INFLUENCIA DE ÁLCOOL - O solicitante relata que um veículo Ford escorte cor branca, passou em alta velocidade pela via, vindo a atingir um poste o qual foi danificado e que possivelmente o condutor estaria embriagado. no local, foi constatado que o condutor estava visivelmente embriagado como consta no auto de constatação de sinais de alteração da capacidade psicomotora, uma vez que o mesmo admitiu ter ingerido bebida alcoólica e se recusou a fazer o teste do bafometro, também foi constatado que ele não possui CNH sendo assim foi dada voz de prisão por embriaguez.

Nenhum comentário: