PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 8812-5277

quinta-feira, 3 de setembro de 2020

CRIME BRUTAL - Mulher é morta com tiros no rosto e tórax em Apucarana

 

A Polícia Militar (PM) já apurou que o autor do homicídio com agravante de feminicídio que vitimou Juliana Aparecida Viana Barbosa de 30 anos na Rua Verandir Vieira no Conjunto Solo Sagrado por volta das 15:10 hrs desta quinta-feira em Apucarana usava tornozeleira eletrônica e rompeu o dispositivo para praticar o crime.

A mulher foi morta com tiros no rosto e tórax disparados a queima roupa, no quintal de residência onde residia, após discussão com o ex-companheiro. Segundo informações, o homem que efetuou os disparos contra a Juliana fugiu em um veículo VW Gol branco placas AVY-5635, de Arapongas, tomando rumo ignorado.

Uma equipe avançada do Samu foi até o local e constatou que a mulher já estava sem vida. A área foi isolada pela Polícia e o Instituto Médico Legal (IML) foi acionado para remover o corpo.

A mulher assassinada já havia levado um uma facada do autor do homicídio.Policiais iniciaram então o acompanhamento tático e pediram apoio para outras equipes.

O autor do crime é Adeílton Carneiro (idade não confirmada) estava refugiado em um milharal na região do Núcleo João Paulo quando foi preso por policiais militares. No momento do crime, 4 filhos de Juliana estavam no imóvel – uma de 14 anos e outra de 13 de relacionamento anterior,  um de 10 anos e um bebê de colo, ambos filhos dela com Adeílton.


Informações do Canal 38


Nenhum comentário: