PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 8812-5277

sexta-feira, 28 de agosto de 2020

Vereadores aprovam lei que proíbe cachorro de latir em Santa Catarina

Um projeto de lei que estabelece multa de R$ 23 mil para os donos de animais barulhentos foi aprovado por unanimidade na Câmara de Vereadores de Penha, em Santa Catarina. A aprovação ocorreu no dia 17 deste mês.

Conforme a proposta apresentada pelo vereador Everaldo Dal Posso (PL), a lei considera infração “provocar ou não impedir barulho de animal”.

A lei recebeu parecer favorável da procuradoria jurídica do Legislativo. Também ganhou aval da Comissão de Constituição, Justiça e Redação antes de ir a plenário.

Após a aprovação, o assunto gerou polêmica na cidade e os vereadores foram questionados sobre a decisão. Alguns vereadores disseram que só votaram a favor do projeto porque não lerem direito do que se tratava.

A lei fala em perturbação ao sossego, e também penaliza “gritaria e algazarra”, “profissão ruidosa” ou abuso de “instrumentos sonoros ou sinais acústicos” – como os alarmes, por exemplo. E estabelece a mesma multa, de R$ 23 mil, para os infratores. Se for uma empresa, a autuação custaria o dobro.


O projeto seguiu para sanção do prefeito que vetou a ideia.


As informações são dos portais NSC Total e Diário da Manhã

Nenhum comentário: