PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 8812-5277

sexta-feira, 15 de maio de 2020

Morador de rua procura cadela que ‘roubaram’ dele em Maringá

Foto: GMC online
O morador de rua João Batista da Silva, 52 anos, está pedindo ajuda para reencontrar a Lanna, sua cadelinha que foi levada por uma suposta médica veterinária, em Maringá. A cadela estava prenha e, segundo Silva, a mulher se ofereceu para fazer o parto e desapareceu. O morador de rua contou que não está dormindo a noite e está sentindo muita falta da companheira.
“A veterinária se chama Franciele e ela disse que levaria a Lanna para ter os filhotes na Kakogawa e me traria de volta. Eu sempre fico aqui nessa esquina. Mas isso já tem um mês e ela não voltou. Eu quero um advogado para processar essa mulher ou a minha Lanna de volta. Eu tenho o número da placa do carro dela”, disse João Batista da Silva.
O morador de rua lamenta o desaparecimento da companheira. Eles conviviam juntos nas ruas há mais de um ano. Lanna foi adotada por Silva e, segundo ele, ela estava muito fraca e machucada quando ele a encontrou. Silva cuidou dela e eles estavam bem. Agora, ele está pedindo dinheiro nos semáforos para contratar um advogado e recuperar a cadelinha, se possível, com seus filhotes.
“Do mesmo jeito que estou sofrendo tenho certeza que ela também está longe de mim. Ela me ama e me defende de tudo e de todos. Não tá sendo fácil ficar longe dela viu. É muito doloroso”, lamentou.
Silva sempre fica na Avenida Alziro Zarur, esquina com a Rua Bem-te-vi, no Residencial Ney Braga. Os comerciantes da região disseram que ele cuidava muito bem do animal e estava contenta que a Lanna iria ter filhotes. Alguns comerciantes e moradores aguardavam o nascimento para fazer a adoção dos filhotes.


CBN Maringá

Nenhum comentário: