PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 8812-5277

segunda-feira, 27 de abril de 2020

Polícia prende motorista suspeito de causar acidente que provocou morte de pai e filha em Apucarana

Segundo informações iniciais o detido negou ser o motorista do carro causador do acidente, mas em conversa preliminar com os policiais ele teria entrado em contradição sobre os fatos.
O major Vilson Laurentino da Silva, do 10º Batalhão da Polícia Militar (BPM) de Apucarana, informou no início da noite deste domingo (26) que uma equipe das Rondas Ostensivas Táticas Móveis (Rotam) prendeu o motorista do veículo BMW com placas de 1º de Maio (PR) suspeito de causar um acidente, às 12h40 deste domingo (26), no km 199 da BR-369 (Rodovia Mello Peixoto), na saída de Apucarana para Arapongas, que provocou a morte do apucaranense Luiz Paulo dos Santos Araújo, de 31 anos, e da filha dele de apenas um ano.
A esposa de Luiz e um filho do casal, um bebê de apenas 18 dias, ficaram gravemente feridos e encontram-se internados no Hospital da Providência. O motorista do veículo BMW foi preso em uma chácara nas redondezas da Vila Rural Nova Ukrânia.
“O condutor do veículo BMW havia sido identificado pela PRF, que repassou a informação à Polícia Militar (PM) e durante a tarde realizando buscas foi possível efetuar a prisão agora a pouco e foi encaminhado para a 17ª SDP”, disse o major Vilson.
Segundo Informações iniciais, o detido negou ser o motorista do carro causador do acidente, mas em conversa preliminar com os policiais teria entrado em contradição sobre os fatos. O motorista do BMW causador do acidente, de 27 anos, residente em Apucarana, fugiu do local, mas foi identificado em seguida pela PRF. Ele dirigia com a Carteira Nacional de Habilitação suspensa.

Em maio de 2017, o mesmo motorista havia sido flagrado e detido pela PRF também na BR-369 por embriaguez ao volante.

A TRAGÉDIA

O acidente com consequências trágicas envolveu um VW Gol com placa de Apucarana ocupado por uma família (o pai de 31 anos, mãe e dois filhos pequenos – uma menina de 1 ano e um bebê de 18 dias), que seguia no sentido Apucarana/Arapongas, e um veículo BMW com placas de Primeiro de Maio, que trafegava no sentido Arapongas/Apucarana e era ocupado pelo motorista, que fugiu do local do acidente, e uma moça de 23 anos.
Morreram na ocorrência de trânsito o motorista do VW Gol, o apucaranense Luiz Paulo dos Santos Araújo, de 31 anos, assim que o mesmo deu entrada no Hospital da Providência, e a filha do casal, de 1 ano, que foi ejetada do carro com o impacto e faleceu no local da colisão. A identificação do motorista do VW Gol foi confirmada pelo Instituto Médico-Legal (IML) de Apucarana. O corpo da menina de um ano também foi encaminhado ao IML de Apucarana para exame de necropsia.
A Polícia Rodoviária Federal (PRF) retificou em boletim de ocorrência a idade da criança que faleceu, pois a princípio foi informado que ela teria quatro anos. A mãe das crianças e o segundo filho do casal, um bebê de 18 dias, tiveram ferimentos graves e estão internados no Hospital da Providência, após serem socorridos por equipes do Siate do Corpo de Bombeiros e Samu.
De acordo com a PRF, o condutor do veículo BMW ao adentrar uma curva perdeu o controle da direção, o veículo rodou, invadiu a pista contrária e atingiu o veículo VW Gol ocupado pela família de Apucarana, conforme marcas de pneumáticos no asfalto. O limite máximo de velocidade no local do acidente é 60 kmh.
Ainda segundo a PRF, o VW Gol trafegava de forma regular em sua mão de direção e não houve tempo para frenagem, pois não há marcas no asfalto. Agentes da PRF acrescentaram que as crianças usavam equipamentos de segurança apropriados para suas idades.

REINCIDENTE

A PRF identificou o motorista causador do acidente logo após o fato trágico. Uma equipe da PRF foi à casa dele, em Apucarana, mas não havia ninguém no local e a identificação do mesmo foi repassada às Polícias Civil e Militar. Ele tem 27 anos de idade. Embriagada, a passageira que estava no automóvel BMW com ele disse aos policiais que ambos haviam saído de uma festa.
Agentes da PRF acrescentaram que o motorista do BMW dirigia com a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) suspensa.
A PRF vai encaminhar o boletim de ocorrência do acidente à Polícia Civil para os procedimentos legais de responsabilização do motorista do veículo BMW pela autoridade policial.




Canal 38

Nenhum comentário: