PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 9626-2009

quarta-feira, 9 de outubro de 2019

Cristiano Kussmaul ganha nova rede de alta tensão

A Copel está instalando uma nova rede de alta tensão na Rua Cristiano Kussmaul, situada na região do Residencial Interlagos. A obra integra o projeto de reconstrução e modernização da via, que prevê ainda a pavimentação e o alargamento da pista, garantindo uma ligação mais rápida e segura ao Contorno Sul.De acordo com o prefeito de Apucarana, Junior da Femac, como haverá o alargamento da pista, está sendo providenciado também o deslocamento lateral da rede de energia elétrica. “Isso está acontecendo dentro das novas normas técnicas. Por isso, o sistema antigo de rede aberta está sendo substituído por uma rede compacta”, observa Junior da Femac, informando que o Município está investindo cerca de R$ 140 mil no novo sistema.
O prefeito de Apucarana destaca que a rede compacta dará maior confiabilidade ao sistema, pois os cabos de alta tensão possuem isoladores e separadores. “Diminuirá os riscos de queda de energia, garantindo o fornecimento para as famílias do Residencial Interlagos, bem como das empresas instaladas no Contorno Sul e no Parque Galan”, frisa Junior da Femac.Conforme o prefeito, o sistema convencional foi criado há cerca de 60 anos e está tecnologicamente ultrapassado. “Como no sistema antigo os cabos são nus, a rede fica desprotegida contra situações de vento e galhos de árvores”, esclarece Junior da Femac.Já a rede compacta, além de aumentar a confiabilidade do fornecimento de energia elétrica e melhorar os indicadores técnicos de qualidade, reduz a necessidade de podas de árvores e a utilização de cruzetas no posteamento. “Quando a Copel faz o deslocamento da rede, não há o reaproveitamento dos postes antigos, mas a instalação de um novo posteamento mais alto e forte. É o que está acontecendo na Cristiano Kussmaul”, explica Lafayete Luz, diretor-presidente do Instituto de Desenvolvimento, Pesquisa e Planejamento de Apucarana (Idepplan).De acordo com Lafayete, as novas normas técnicas também estabelecem vãos mais curtos. “A distância entre os postes era de até 45 metros e, como os braços da iluminação pública ficam fixados nos postes, isso poderia gerar algumas faixas escuras. Com o novo sistema, a distância máxima entre os postes será de 32 metros”, pontua Lafayete, acrescentando que a Copel deverá programar e comunicar com antecedência o dia em que será feita a migração para o novo sistema.TRECHOS INTERDITADOS – Ao mesmo tempo, empreiteira contratada pelo Município para pavimentar os 2,3 quilômetros da via está trabalhando na implantação da drenagem. “O serviço está sendo realizado por trechos. Onde a tubulação já foi instalada, a empreiteira está fazendo a terraplenagem e a medição para o meio-fio. Pedimos a compreensão da população, solicitando que os motoristas obedeçam os trechos interditados e não circulem onde as obras estão sendo executadas”, solicita o engenheiro Herivelto Moreno, secretário municipal de Obras.

Nenhum comentário: