href="https://1.bp.blogspot.com/-6gy4glK0nPk/XHGyQlw1tUI/AAAAAAADRDg/g44NPL06wLs5iJ6w2ILCd_7b2dAUxF7iACLcBGAs/s1600/na-chapa-restaurante.jpg" imageanchor="1" style="margin-left: 1em; margin-right: 1em;">
PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 9626-2009
Curta nossa página no Facebook e receba as atualizações de todas as notícias

quinta-feira, 1 de agosto de 2019

Prefeitura de Apucarana oferta 160 vagas de cursos profissionalizantes

A prefeitura de Apucarana anuncia a oferta de 5 cursos profissionalizantes ministrados pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai). As 160 vagas ofertadas são destinadas exclusivamente ao público atendido pelo Programa Bolsa Família.Os cursos ofertados gratuitamente pelo município, através da Secretaria de Assistência Social, são de Costura Industrial, Montador de Móveis, mecânico de máquina de costura, pregador de abas de bonés e costura industrial para bonés. O início das aulas acontece em diferentes momentos o longo deste segundo semestre de 2019.No momento estão abertas, até o dia 20 de agosto, as inscrições para duas turmas de 16 vagas cada para o curso de costura industrial de camisetas. A primeira delas tem o início das aulas programado para o dia 2 de setembro e o encerramento para 8 de outubro. A segunda acontece entre 21 de outubro e 27 de novembro.As aulas de todos os cursos serão ministradas de 2ª feira e 6ª feira, entre 13 horas e 16 horas, no Centro de Qualificação Total, no Jardim América, com carga horária de 80 horas. As inscrições sempre devem ser feitas no CRAS mais próximo da residência do interessado, entre 8 e 17 horas.O prefeito Junior da Femac destaca o grande avanço que vem acontecendo nos últimos 6 anos na qualificação profissional da população apucaranense. “Durante a gestão Beto Preto cerca de 15 mil pessoas foram contempladas com cursos profissionalizantes, ministrados inicialmente através do Pronatec. “Quando essa parceria com o Governo Federal acabou, passamos a comprar cursos do Senai, Senac, Senat e outras instituições, visando manter a oferta de qualificação aos nossos trabalhadores”, relata Junior da Femac.

Nenhum comentário: