href="https://1.bp.blogspot.com/-6gy4glK0nPk/XHGyQlw1tUI/AAAAAAADRDg/g44NPL06wLs5iJ6w2ILCd_7b2dAUxF7iACLcBGAs/s1600/na-chapa-restaurante.jpg" imageanchor="1" style="margin-left: 1em; margin-right: 1em;">
PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 9626-2009
Curta nossa página no Facebook e receba as atualizações de todas as notícias

quarta-feira, 14 de agosto de 2019

Envolvido em acidente do conhecido "Doca" se apresentou na delegacia de Faxinal

O repórter Wellyngton Jhonis já havia entrevista o delegado de Faxinal na terça-feira (13) que comentava sobre as investigações do acidente que vitimou Jose da Costa o conhecido “Doca” de Borrazópolis. Nesta quarta-feira (14) o principal suspeito Eduardo Ximiti, se apresentou ao lado de seu advogado de defesa Dr. José Teodoro, de Apucarana e entregou a caminhoneta F-250 envolvida na tragédia que deixou a cidade de luto. O advogado de Defesa, o Dr. José Teodoro, disse que Eduardo estava em Kaloré, em uma festa, mas que não bebeu. Que inclusive foi abordado pela Polícia e liberado. Também contou que "Ximitinho" não viu a motocicleta, por estar sem sinalização. Sobre o socorro, afirmou que não houve omissão, porque um dos rapazes que estava na frente, foi comunicar o Hospital e afirmou isso ao motorista. "A família do Eduardo também está arrasada, porque "Dôca" era um amigo deles. Inclusive o jovem disse que foi o José da Costa que vendeu para ele, mais barato do que preço de mercado, o primeiro cavalo, o primeiro arreio. Também afirmou que saiu do local do acidente, sem saber que era o amigo Dôca que ele havia batido", afirmou o advogado. Em sua fala para a imprensa o delegado Dr. Ricardo afirmou que, em seu depoimento, o jovem chorou e não admitiu que estava em alta velocidade, mas foi contestado por contra das frenagens de cerca de 80 metros, afirmou que a motocicleta não tinha sinalização e a velocidade dela era muito baixa. Admitiu que estava com dois jovens, na cabine, mas não lembrava os nomes. Dr. Ricardo avaliou como contraditório sua fala e afirmou que vai pedir a sua prisão. Vejam os detalhes do dia do acidente (CLIQUE AQUI) e a primeira entrevista de investigação do delegado (CLIQUE AQUI). A colaboração da reportagem é do Ronaldo Senes o “Berimbau”.

Nenhum comentário: