href="https://1.bp.blogspot.com/-6gy4glK0nPk/XHGyQlw1tUI/AAAAAAADRDg/g44NPL06wLs5iJ6w2ILCd_7b2dAUxF7iACLcBGAs/s1600/na-chapa-restaurante.jpg" imageanchor="1" style="margin-left: 1em; margin-right: 1em;">
PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 9626-2009
Curta nossa página no Facebook e receba as atualizações de todas as notícias

quarta-feira, 14 de agosto de 2019

Em Apucarana Junior da Femac reivindica recursos para obras viárias

O prefeito de Apucarana, Junior da Femac, cumpre agenda nesta quarta-feira (14), em Curitiba, onde visitará diversos órgãos e secretarias em busca de recursos para viabilizar obras viárias. Entre os projetos reivindicados estão a implantação de acessos à cidade pelo Contorno Norte, recape em estradas que ligam a distritos e o protocolo do projeto para ampliação da sede do Consórcio Intermunicipal de Saúde do Vale do Ivaí e Região (Cisvir). No tocante aos acessos, o prefeito informa que a Secretaria de Obras já elaborou os projetos, que estão sendo supervisionados pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER). “Vamos protocolar o pedido de recursos, no valor de R$ 1 milhão, para os acessos através da Rua Koey Tatessuji – junto à Sociedade Rural – e o outro na Rua José Antônio de Oliveira, utilizada tanto para acessar o Barreiro quanto o perímetro urbano de Apucarana através da região do Jardim Figueira e Vila Regina”, explica Junior da Femac.
Nesta região da cidade, o prefeito também irá pleitear verbas do Estado para garantir a pavimentação asfáltica da estrada que liga o Parque da Redenção e ao Barreiro. “É um trecho de cerca de seis quilômetros onde a gestão Beto Preto já conseguiu levar o calçamento com pedras irregulares, sobre o qual pretendemos agora aplicar uma camada asfáltica”, pondera, avaliando que serão necessários R$ 1,8 milhão para a obra. Outro trecho de pedras irregulares que o Município pretende pavimentar fica na zona leste, na Estrada dos Bertasso. “É um trecho de cerca de um quilômetro, que vai do Conjunto Habitacional Sumatra até o Recanto Sossego, ao custo estimado de R$ 430 mil”, esclarece Junior da Femac. O prefeito também buscará recursos para a recape dos 23 quilômetros de asfalto, entre o Contorno Sul de Apucarana até a divisa com o Município de Rio Bom (R$ 8,2 milhões), e dos 11 quilômetros de asfalto que ligam os distritos de Pirapó e Caixa de São Pedro, até na PR-444 (R$ 4 milhões). Quanto ao projeto de ampliação do Consórcio Intermunicipal de Saúde do Vale do Ivaí e Região (Cisvir), trata-se da execução da segunda etapa que já estava prevista. “O projeto foi elaborado pela equipe do Instituto de Desenvolvimento, Planejamento e Pesquisa de Apucarana (Idepplan) e que está orçado em R$ 1,2 milhão. A obra inclui mais três blocos, com área construída de mil metros quadrados, que vai abrigar saguão de espera, novos consultórios médicos, ala de odontologia, exames de imagens, arquivo e sala de reuniões”, detalha Junior da Femac. Segundo ele são obras necessárias e muito esperadas pela população. “Estamos confiantes de que iremos obter, gradativamente, os recursos necessários para implementar estas importantes obras viárias e também a ampliação do prédio do Cisvir”, conclui Junior da Femac.

Nenhum comentário: