PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 9626-2009

quarta-feira, 19 de junho de 2019

Junior da Femac vistoria pavimentação no Recanto Mundo Novo

Com 70% da obra executada, o prefeito Junior da Femac vistoriou hoje os serviços da pavimentação de ruas do Recanto Mundo Novo. No total estão sendo executados 12.217,99 m² de asfalto, em um investimento de R$ 967 mil, com recursos próprios do município.As obras do asfalto em concreto betuminoso usinado a quente (CBUQ) e drenagem de águas pluviais estão beneficiando as ruas Equador, Costa Rica e México, bem como da Avenida Mato Grosso e final da Avenida Itararé, no Jardim Ponta Grossa. “Moradores esperaram pela benfeitoria por mais de 40 anos e agora recebem um asfalto de qualidade e sem custo em frente de suas casas”, observa o prefeito Junior da Femac.Moradora há 23 anos na Rua México, 44, Elisabete Pereira de Oliveira, avalia a obra do asfalto em sua rua como uma grande conquista. “Além de muito barro e pó, a rua tinha valetas enormes. Era difícil andar nela e o pior de tudo era a dificuldade para as pessoas chegarem até o postinho de saúde aqui nesta rua. Vai ser uma nova vida para todos que moram aqui”, afirma Elisabete.Os trechos que estão sendo pavimentados no Recanto Mundo Novo são os seguintes: Avenida Mato Grosso, entre a Rua México e Equador, em um total de 4.358,48 m²; Avenida Itararé, entre as ruas Costa Rica e Equador, em um total de 2.029,37 m²; Rua México, entre a Avenida Itararé e rua Cuba, em um total de 2.748,58; Rua Costa Rica, entre a Avenida Itararé e rua Cuba, em um total de 1.788,90 m²; e Rua Equador, entre a Avenida Itararé e rua Cuba, em um total de 1.292,40 m².“Assumimos a cidade em 2013 com 97 quilômetros de ruas não pavimentados e agora, seis anos depois, estamos bem perto de asfaltar Apucarana toda. Faltam menos de 10 quilômetros e isso é pagamento de uma dívida social. Peço perdão por não ter feito o asfalto antes neste bairro, mas a gestão Beto Preto só autoriza uma obra quando está com o dinheiro em caixa para sua execução”, destaca Junior da Femac.

Nenhum comentário: