PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 9626-2009

terça-feira, 14 de maio de 2019

Escolas municipais, estaduais e federais paralisam atividades nesta quarta

Estudantes, professores e técnicos da Universidade Estadual de Londrina pretendem passar o dia no calçadão. As atividades na UEL vão ficar suspensas nesta quarta numa reação aos bloqueios orçamentários anunciados pelo governo federal no ensino superior. O início está marcado para amanhã (15), às 9 da manhã no calçadão. Nesta quarta, também devem paralisar as atividades algumas escolas municipais e do estado, além do Instituto Federal e da Universidade Tecnológica Federal do Paraná. A UTFPR já sabe que pode ter um milhão e 600 mil reais bloqueados do orçamento deste ano, cerca de 36% do que estava previsto para 2019. A Secretaria Municipal de Educação informou que pediu aos diretores que fechem apenas as escolas em que a maioria dos professores decidir pela paralisação e que tentem comunicar a decisão aos pais ainda hoje. Na rede estadual, o comunicado também deve ser feito hoje em cada colégio, de acordo com a decisão da maioria. A Secretaria Estadual de Educação informou no entanto, que os professores que não derem aula ficarão com falta. Conforme a assessoria da Prefeitura de Londrina, um levantamento prévio da Secretaria de Educação junto a diretores, diz que 104 escolas irão parar para aderir ao movimento reivindicatório e 16, não. A orientação da Secretaria é de o que os diretores orientem alunos e pais sobre o que acontecerá em cada unidade. Caso haja dúvidas, informações devem ser obtidas nas escolas. Haverá reposição das aulas perdidas no dia 27 de junho, quando aconteceriam práticas pedagógicas. Com informações assessoria / reportagem Kathulin Tanan da TV Tarobá.

Nenhum comentário: