PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 9626-2009

terça-feira, 28 de maio de 2019

DER e prefeitura avaliam novos acessos no Contorno Norte em Apucarana

Em reunião de trabalho mantida anteontem com o gerente regional de Londrina do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), engenheiro Marco Aurélio Gataz Sguario, o prefeito de Apucarana, Junior da Femac, tratou da implantação de novos sistemas de acesso no Contorno Norte de Apucarana. Segundo ele, foi criado um grupo integrado pelo secretário de obras de Apucarana, engenheiro Herivelto Moreno; o técnico do Idepplan, João Vitor Scarelatto; e os engenheiros Mariana e Rafael do DER. “Os projetos dos novos acessos, na Rua Koey Tatessuji – junto à Sociedade Rural – e na estrada do Barreiro já estão prontos, mas serão melhor avaliados, visando atender as normas de segurança”, comentou o prefeito. “O Contorno Norte de Apucarana foi construído há décadas e de lá para cá a cidade cresceu nesta direção, passou a ter 84 mil veículos circulando e surgiram novas conexões urbanas com a denominada Rodovia Michel Soni (PR-170), que faz a interligação entre as BRs 376 e 369”, argumenta o prefeito, acrescentando que hoje existem conflitos em vários pontos dos 12 km de extensão do contorno. Em discussão anterior, referente aos problemas existentes no contorno, as duas partes concordam que são necessárias urgentes intervenções, principalmente por questões de segurança.
E como, neste momento, o DER não tem condições financeiras de atender as demandas reivindicadas, o Município está assumindo a responsabilidade pelo custeio das obras Conforme sustenta o prefeito, “é viável que o DER autorize a Prefeitura de Apucarana a executar as melhorias mais urgentes no Contorno Norte”. Ele reitera que acessos mais adequados, pela Rua Koey Tatessuji – junto à Sociedade Rural -, e junto à estrada do Barreiro, na ligação com a Rua Antônio José de Oliveira (antigo lixão) podem ser executados pela prefeitura. “Os projetos propõem a criação de terceiras faixas e alças laterais para permitir o acesso ou saída com mais segurança nestes dois pontos”, anuncia Junior da Femac. IAP – Ainda em Londrina, o prefeito se avistou com o chefe regional do Instituto Ambiental do Paraná (IAP), Walter Helmult Echert Junior. O tema discutido foi a implantação de um conjunto residencial no distrito de Caixa de São Pedro. A prefeitura em parceria com a Cohapar está viabilizando a construção de 42 casas no distrito e estamos buscando o licenciamento ambiental para o projeto. “A Cohapar irá construir as casas em terreno de 24 mil metros quadrados. A mesma área terá seis lotes destinados a industrilaização”, revela Junior da Femac.

Nenhum comentário: