PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 9626-2009

segunda-feira, 8 de abril de 2019

Tecpar apresenta soluções tecnológicas para o agronegócio

O Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar) apresenta suas soluções tecnológicas desenvolvidas para o agronegócio durante a 59ª Exposição Agropecuária e Industrial de Londrina (ExpoLondrina). O evento foi aberto sexta-feira (5) e segue até domingo (14). Para motivar os produtores a incorporar tecnologias e agregar valor à produção, durante o evento uma equipe de colaboradores está à disposição no estande do Tecpar, expondo os produtos e serviços disponíveis para atender o produtor rural, empresas públicas e privadas. Na quinta-feira (11) à tarde, o diretor-presidente do Instituto, Fabio Cammarota, participará de um bate-papo com prefeitos e gestores públicos. O objetivo é mostrar como a agrotecnologia pode contribuir para alavancar o agronegócio nas cidades e formar novas parcerias. “Será um momento de troca de ideias, vamos ouvir os participantes para identificar suas demandas e oferecer soluções tecnológicas adequadas ao seu perfil. O governador quer consolidar o Paraná como o maior produtor de alimentos do planeta, e o Tecpar está em sintonia com este objetivo”, disse Cammarota. SERVIÇOS – No portfólio de serviços disponíveis para a agricultura e pecuária, estão a certificação de produção e processamento de produtos orgânicos; avaliação de conformidade de corretivos agrícolas, fertilizantes, alimentos e bebidas, águas e efluentes. Para agroindústrias, indústrias e empreendimentos que beneficiam alimentos e bebidas de pequeno porte, o Tecpar faz a auditoria de qualidade no Selo Alimentos do Paraná. Concedido pelo Sebrae-PR, o selo atesta segurança, qualidade alimentar e excelência em gestão. O instituto também integra o programa estadual Paraná Mais Orgânico, ao lado da área da ciência, tecnologia, instituições estaduais de ensino superior e o Centro Paranaense de Referência em Agroecologia (CPRA). O programa atua na certificação de produtos orgânicos no Paraná, contando com mais de 500 certificações já realizadas. Outro serviço realizado nos laboratórios do instituto é a identificação da presença de resíduos de medicamentos veterinários em alimentos de origem animal, e resíduos de agrotóxico em alimentos de origem vegetal. SMART FARM – O Tecpar também está com ações em andamento para fortalecer a agricultura familiar. Na semana passada, o instituto firmou um protocolo de intenções com o Sebrae-PR e a prefeitura de Araucária, para a implantação de uma fazenda inteligente (Smart Farm), no município. “Este projeto experimental vai possibilitar que os pequenos produtores tenham contato com o que há de mais novo em agrotech, adaptado à sua realidade e necessidades”, explica Cammarota.

Nenhum comentário: