PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 9626-2009

quinta-feira, 11 de abril de 2019

Compagas confirma interesse em ampliar oferta de gás na região

A Companhia Paranaense de Gás (Compagas) promoveu na noite de terça-feira (9), em recinto da Exposição Agropecuária e Industrial de Londrina, um encontro com autoridades e empresários do segmento industrial. O tema central do evento foi a implantação de novos ramais de distribuição de gás natural em cidades da região Norte do Estado.Atualmente, Londrina conta com uma rede de distribuição de 11 km, a partir de um depósito instalado em local estratégico. Agora, o mesmo sistema está sendo ofertado para outras cidades, incluindo Apucarana que, a partir de conversações mantidas pelo prefeito Junior da Femac, saiu na frente mobilizando empresas interessadas em aderir à oferta de gás natural. “A Compagas tomou a decisão, a pedido do Governador do Estado, Ratinho Junior, de interiorizar a oferta de gás natural. Isso passou a ser prioridade na política de desenvolvimento industrial do Paraná”, comentou o prefeito Junior da Femac, reiterando o interesse de Apucarana nesta nova matriz energética.Segundo ele, neste processo Apucarana surge como uma das cidades de maior potencial de demanda, conforme ficou constatado na reunião promovida pela Compagas, na Expo Londrina. “Até agora, vinte e oito empresas de Apucarana já manifestaram oficialmente o seu interesse na utilização do gás natural em seus processos produtivos”, assinalou o prefeito Junior da Femac. O secretário de industria e comércio de Apucarana, Édson Peres Estrope, lembra que a Prefeitura de Apucarana deu o start no processo, procurando a diretoria da Compagas, em Curitiba - no mês de fevereiro -, para reivindicar uma estrutura de atendimento às indústrias locais. “Depois disso, diretores da Compagas já estiveram em Apucarana para avaliar o mercado”, lembra Estrope.De sua parte o presidente da Compagas, Rafael Lamastra, destacou a postura de Apucarana, elogiando a união do poder público municipal e dos empresários do segmento industrial, na busca de uma alternativa energética mais barata. Ele reiterou que a Compagas busca aumentar a oferta do gás natural em todas as regiões do Estado. “No caso de Apucarana, levantamento preliminar mostra que muitas indústrias, que hoje utilizam o gás liquefeito de petróleo (GLP) ou lenha, poderiam passar a utilizar o gás natural”, comentou.Participaram do evento da Compagas na Expo Londrina, os empresários Jayme Leonel (ACIA), Robson Gualberto da Silva e Adilson Agostinis (Caramuru), Carlos Fujiwara (Ecoservice), Everaldo Luiz Choucino (Seiko), Marcos Aurélio da Silva (Eletran), Umberto Bastos Sacchelli (Apucarana Leather); Felipe Alexandre Felipe Neto (Paanatex); Carlos Henrique Carvalho e Thaiara Ramires dos Reis (Alpes); Fábio Ravelli (Forquímica); Paulo Roberto Ferreira (Molas Fama); e Dillaine Henning de Oliveira (Louis Dreyfus).

Nenhum comentário: