PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 8812-5277

quarta-feira, 27 de março de 2019

PM de Apucarana ajuda salvar bebê engasgado

“Ele estava mamando, engasgou, ficou roxo, o primeiro número que veio em minha mente foi o da Polícia Militar,” foi o que disse Tatiane Maria da Silva Santos de 35 anos ao ver o filho com apenas 28 dias de vida sem respirar após engasgar com o leite materno.O caso aconteceu no sábado, 23/03, o pequeno Vitor Gabriel de Lima estava mamando quando de repente engasgou. Tatiane chamou o marido Denilson Ferreira de Lima de 26 anos para ajudá-los.Desesperada a mãe ligou para o 190, quem atendeu foi a Soldado Paula, que brilhantemente foi orientando Tatiane e tentado acalmá-la, uma viatura do Samu e também da Polícia Militar foram imediatamente acionadas para comparecer na casa da família no Jd. América.“Eu fiquei desesperada, a Policial tentava me acalmar e ia passando o que eu deveria fazer e eu ia repassando para o meu marido, ele que fez a massagem no nosso filho,” emocionada relata Tatiane.O pai Denilson contou que estava também muito nervoso, mas que ao ver o desespero da esposa, respirou fundo para socorrer o filho.“Vi que ela estava desesperada, não podia ficar também, vi o filho ficando roxo, prestei atenção no que a PM e ela estavam falando e fui fazendo, quando ele respirou, nossa foi um alívio, se não fosse a orientação da PM, talvez meu filho não estivesse vivo,” ressalta.
Tatiane disse que só foi se acalmar depois que as viaturas chegaram e constataram que o bebê estava bem.“Eu não sabia o que fazer, eu via meu filho naquele estado sem reação nenhuma. Foi importantíssimo o atendimento da PM, se alguém passar por isso, pode com certeza ligar para o 190 da PM, 193 Bombeiros ou 192 Samu, que com certeza todos saberão orientar,” relata a mãe.A Soldado Paula, Soldado Mara e a Tenente Kelly foram na manhã desta quarta-feira 27/03, na casa da família, lá a policial conheceu o Vitor Gabriel, claro que o encontro foi emocionalmente.“É uma felicidade, um sentimento de dever cumprido, a gente tenta fazer o nosso melhor, sempre que a população necessita, essa é uma das funções, conseguir estar preparado para esse tipo de atendimento, graças a Deus, todo muito bem, e muito felizes” comemorou a PM Paula.A Tenente Kelly ressaltou que os policias são treinados, que sempre estão à disposição da população, seja pra combater o crime ou pra ajudar salvar vidas.Para a família ficar feliz completamente, falta o pai do bebê arrumar um emprego. Tatiane é funcionária pública, mas no salário vem descontado empréstimos, o que está ganhando dá apenas para as despesas básicas da casa.Denilson contou que está na expectativa de realizar uma entrevista de emprego em breve, mas ele precisa com urgência arrumar um trabalho.“Eu sei fazer de tudo, preciso trabalhar, dar um melhor sustento e vida para o meu filho que acabou de nascer. Eu costuro, posso ser auxiliar de pedreiro, roçar quintais, eu só quero trabalhar,” enfatiza Denilson.A família está precisando de doações de fraudas para o bebê, eles ganharam recentemente uma cesta básica e alguns outros alimentos, mesmo sabendo que os mantimentos não vão dar pra muito tempo, Tatiane pede que ajudem o filho dela.A família mora na Rua Cataduvas 1585 no Jd. América, o telefone para contato é: 43999114197.

Nenhum comentário: