href="https://1.bp.blogspot.com/-6gy4glK0nPk/XHGyQlw1tUI/AAAAAAADRDg/g44NPL06wLs5iJ6w2ILCd_7b2dAUxF7iACLcBGAs/s1600/na-chapa-restaurante.jpg" imageanchor="1" style="margin-left: 1em; margin-right: 1em;">
PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 9626-2009
Curta nossa página no Facebook e receba as atualizações de todas as notícias

sexta-feira, 15 de março de 2019

O combate a criminalidade vai continuar intenso, afirma o delegado de Faxinal

A recente entrevista foi publicada pelo Jornal paraná Centro. O delegado de Polícia Civil de Faxinal, Ricardo Augusto de Oliveira Mendes, assumiu o comando da delegacia da Comarca, há cerca de 40 dias, o seu trabalho vem sendo elogiado pelos moradores da comunidade. Em entrevista ele comentou que assim que recebeu a convocação do então chefe da 17ª subdivisão policial, José Aparecido Jacovós, entendeu o tamanho do desao, mas assumiu com muito empenho, principalmente, porque os índices de roubo a veículos e propriedades rurais estavam muito altos e desproporcionais ao tamanho da cidade. “Está sendo um desao responder pelas duas comarcas, mas tenho uma equipe de policiais muito boa e meu papel, mais que coordenar, é mantê-la motivada para que o trabalho seja o melhor possível”, comenta o delegado de Faxinal. Para ele, o papel da Polícia civil é de pacicação social, para que o cidadão de bem possa ter uma vida melhor, trabalhar mais tranquilo e que tenha garantido o seu direito à propriedade. “Estamos trabalhando para esclarecer os crimes e colocar quem faz isso na cadeia”, frisa o delegado. A resposta que a população de Faxinal tem dado à Polícia Civil tem sido sentida nas ruas da cidade. Segundo Ricardo Mendes, como reside em Faxinal, ele tem percebido esse apoio da população em seu convívio social, onde as pessoas têm se aproximado e agradecido o trabalho feito pelos policiais. Para esse ano, o principal foco será o trabalho de combate ao tráco de drogas, que é um crime que fomenta outras ações criminosas, como o os furtos e roubos. Ele também destaca que a região tem se tornado uma rota para o contrabando e a ideia da Polícia Civil de Faxinal é reprimir esse tipo de crime, especialmente para que esses elementos não tenham a sensação que podem fazer tudo. “Vamos realizar operações para reprimir o tráco de drogas, para que ele possa ser reduzido ao máximo possível”, destaca. O delegado comenta que a comunidade tem um papel muito importante no apoio à Polícia Civil, para o trabalho de esclarecimento de crimes. “O problema nasce na comunidade e precisa ser resolvido; e o cidadão pode nos ajudar, trazendo informação que seja útil. Vamos apurar e dar a resposta à população”, disse o delegado de Faxinal. PRISÕES - Na manhã desta sexta-feira (15) o delegado de Faxinal Dr. Ricardo Mendes concedeu entrevista ao Donato e comentou sobre as prisões que foram registradas nas últimas horas. (Colaboração: Paraná Centro e Donato Cândido).

Nenhum comentário: