href="https://1.bp.blogspot.com/-6gy4glK0nPk/XHGyQlw1tUI/AAAAAAADRDg/g44NPL06wLs5iJ6w2ILCd_7b2dAUxF7iACLcBGAs/s1600/na-chapa-restaurante.jpg" imageanchor="1" style="margin-left: 1em; margin-right: 1em;">
PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 9626-2009
Curta nossa página no Facebook e receba as atualizações de todas as notícias

terça-feira, 26 de março de 2019

Ex-morador de Borrazópolis foi morto a tiros em Curitiba

A cidade de Borrazópolis ficou surpresa com a notícia da morte do jovem Reginaldo Bergamaski, que é um ex-morador do município. Ele era filho do Aparecido Bergamaski (Cido); também era sobrinho do Sone Almeida (Sone Preto) e neto da saudosa pioneira "Dona Ademália", além de integrante da numerosa família Bergamaski. Segundo o portal Banda B, a execução foi feita por profissionais do crime, sendo a vítima morta a tiros de fuzil e pistola dentro de um veículo de luxo no bairro Uberaba, em Curitiba, fato ocorrido na manhã desta segunda-feira (25 de março, de 2019). O assassinato ocorreu na esquina das Ruas Antônio Andriguetto e América da Costa Saboia, quando ele chegava na residência em que mora em um Jeep Compass. Chama a atenção no crime, as armas que foram usadas pelos assassinos. “Tiros de fuzil e foram até o carro para garantir que o jovem estava morto, disparando também de uma pistola nove milímetros. A vítima, de nome Reginaldo, saía de casa quando foi assassinada”, destacou à Banda B, o delegado Tito Livio Barrichelo, da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Há três anos o Reginaldo já havia sobrevivido a um atentado no dia de Natal. Ele sofreu uma tentativa de assassinato, mas na ocasião conseguiu escapar. O corpo de Reginaldo foi recolhido ao Instituto Médico Legal de Curitiba (IML) e depois liberado para o velório e sepultamento na Capital do Estado. (Colaboração: Berimbau e portal da Rádio Banda B).

Nenhum comentário: