href="https://1.bp.blogspot.com/-6gy4glK0nPk/XHGyQlw1tUI/AAAAAAADRDg/g44NPL06wLs5iJ6w2ILCd_7b2dAUxF7iACLcBGAs/s1600/na-chapa-restaurante.jpg" imageanchor="1" style="margin-left: 1em; margin-right: 1em;">
PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 9626-2009
Curta nossa página no Facebook e receba as atualizações de todas as notícias

quinta-feira, 14 de março de 2019

Artagão Júnior protocola pedido para que o "Escola Segura" seja estendido ao Vale do Ivaí e a todo Paraná

Em evento realizado no Palácio Iguaçu, nesta quinta-feira (14), o governador Ratinho Junior adiantou que será lançado nesta sexta (15) o programa Escola Segura, que vai utilizar policiais militares da reserva para atuarem nas escolas, em parceria com a Patrulha Escolar. O programa vinha sendo formatado para ser anunciado em outra oportunidade. Porém, de acordo com o governador, devido ao atentado na escola de Suzano, optou-se por lançá-lo agora. Segundo a Secretaria de Educação, ainda no primeiro semestre 120 policiais começarão atuar em 60 escolas de Foz do Iguaçu e Londrina. O deputado Artagão Júnior parabenizou a iniciativa e já se adiantou, mandando ofícios à secretaria propondo a extensão do programa para o Vale do Ivaí e demais regiões do Estado. “Estamos reivindicando o projeto para todo o Estado. É um programa interessante, mas temos que estender para todas as regiões do Paraná, incluindo as nossas regiões de atuação, como o Vale do Ivaí e Guarapuava”, argumentou Artagão. Ainda conforme o deputado, essa iniciativa é uma demanda que os municípios já apresentavam, no sentido de aproveitar os policiais militares da reserva para fazer a segurança nas escolas e no seu entorno. “Claro que as cidades maiores têm o problema da violência de forma mais abrangente, mas todo o Paraná enfrenta esse tipo de dificuldade, que acaba tirando o sono de pais e mães por não saberem até que ponto o filho está segundo mesmo indo para a escola”, enfatizou o parlamentar.

Nenhum comentário: