href="https://1.bp.blogspot.com/-6gy4glK0nPk/XHGyQlw1tUI/AAAAAAADRDg/g44NPL06wLs5iJ6w2ILCd_7b2dAUxF7iACLcBGAs/s1600/na-chapa-restaurante.jpg" imageanchor="1" style="margin-left: 1em; margin-right: 1em;">
PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 9626-2009
Curta nossa página no Facebook e receba as atualizações de todas as notícias

quinta-feira, 7 de fevereiro de 2019

IVAIPORÃ - Prefeito interino e forças de segurança debatem organização do trânsito

Na quarta-feira, dia 6 de fevereiro, o prefeito interino de Ivaiporã, Ilson Gagliano, se reuniu com o comandante da Polícia Militar, capitão Élio Boing; comandante do 1º Subgrupamento Independente do Corpo de Bombeiros, capitão Alexandre Mançano Cavalca; promotor de Justiça, Cleverson Tozatte; presidente do Conselho Comunitário de Segurança (Conseg), Celso Gomes; vereador Nando Dorta, que representou a Câmara de Vereadores; e com o presidente da Acisi (Associação Comercial, Industrial e de Serviços), Mauro Merigue. O objetivo da reunião foi debater acerca da organização do trânsito em Ivaiporã – especialmente no que se refere às vagas de estacionamento para carros e motos no centro da cidade. É que, segundo Ilson Gagliano, as vagas destinadas para idosos e motociclistas não são respeitadas, além dos constantes estacionamentos em fila dupla. O capitão Boing explicou que a Polícia Milita trabalha essencialmente com a fiscalização e aplicação de notificação. Quanto à multa cabe ao diretor de trânsito. “Em Ivaiporã são lavradas cerca de 140 multas por mês e recolhidos 40 veículos mensalmente”, contou o comandante da Polícia Militar, informando que a atribuição principal é a segurança pública. O capitão Boing disse que a Polícia Militar pode reforçar a fiscalização no trânsito, sem comprometer a segurança pública. “Mas a população precisa se conscientizar em relação às leis de trânsito”, sugeriu Boing. Em seguida, Mauro Merigue contou que a direção da Acisi pretende desenvolver uma campanha de conscientização, visando incentivar os comerciantes a estacionar longe dos estabelecimentos para dar prioridade aos clientes e à população que se desloca ao centro da cidade para tratar dos mais diversos assuntos. A reunião foi encerrada pelo prefeito interno Ilson Gagliano, que anunciou a fixação de um adesivo nas placas exclusivas para idosos exigindo a obrigatoriedade dos cartões. “A Prefeitura tem projeto para municipalizar o trânsito – sugerido pelo prefeito Miguel Amaral. Mas a sociedade pede providências. Por isso, é preciso tomar alguma medida imediata. Iremos aumentar os espaços destinados a motocicletas, reforçando as demarcações para carros, e desenvolver uma campanha de conscientização”, informou Ilson Gagliano. A reunião também contou com a presença de diretores de departamentos municipais da Prefeitura e vereadores.

Nenhum comentário: