href="https://1.bp.blogspot.com/-6gy4glK0nPk/XHGyQlw1tUI/AAAAAAADRDg/g44NPL06wLs5iJ6w2ILCd_7b2dAUxF7iACLcBGAs/s1600/na-chapa-restaurante.jpg" imageanchor="1" style="margin-left: 1em; margin-right: 1em;">
PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 9626-2009
Curta nossa página no Facebook e receba as atualizações de todas as notícias

terça-feira, 15 de janeiro de 2019

Apucarana reivindica educação digital 4.0 para o “Agrícola”

Pedido foi oficializado em audiência com o secretário chefe da Casa Civil, Guto Silva
O prefeito em exercício de Apucarana, Junior da Femac, em audiência mantida no Palácio Iguaçu, com o secretário chefe da Casa Civil, Guto Silva, reivindicou que o projeto de educação digital 4.0, defendido pelo governador Ratinho Junior, seja implantado no Colégio Estadual Agrícola Interventor Manoel Ribas. No diálogo mantido com o prefeito Junior da Femac, o secretário Guto se mostrou receptivo à reivindicação apresentada. “Num primeiro momento, a determinação transmitida pelo governador Ratinho Junior é no sentido de enxugar a máquina, cortando excessos para que, numa fase seguinte, possamos avaliar os projetos a serem colocados em prática”, anunciou Guto Silva. O secretário ponderou que Apucarana tem o seu embaixador em Curitiba, que é o secretário da saúde Beto Preto. “Certamente Apucarana será contemplada em seus pleitos junto ao governo Ratinho Junior”, acrescentou o secretário. Guto Silva agradeceu Junior da Femac e os secretários Herivelto Moreno e Paulo Sérgio Vital – que também participaram da audiência -, por trazerem ao Estado um pedido que se encaixa bem dentro da proposta de mais tecnologia na educação, proposta pelo governador Ratinho Junior. No encontro com Guto Silva, o prefeito em exercício de Apucarana encaminhou oficialmente um expediente solicitando que o Colégio Estadual Agrícola Manoel Ribas, seja incluído na proposta da educação digital 4.0 defendida pelo governador Ratinho Junior. “Nós já temos toda a estrutura física do Colégio Agrícola em funcionamento há 60 anos em uma ampla área”, destacou Junior da Femac. Conforme argumentou Junior, o governador defende que o Paraná precisa modernizar suas escolas, e que seu compromisso é firmar parcerias para modernizar e melhorar o ambiente escolar. “Uma das principais propostas do governador Ratinho Junior é viabilizar uma educação que comece a atender as demandas do agronegócio 4.0. E, neste contexto se incluem a linguagem computacional, a internet e muitas outras tecnologias se somam para dinamizar os processos nos mais diversos segmentos produtivos”, avalia o prefeito.
Segundo ele, a agricultura de precisão e os produtos agrobiológicos são conceitos que o governador defende. Ele conta que esteve recentemente com o empresário e químico Édson Rossini, que se disse entusiasmado com o projeto do governador Ratinho Junior e que a estrutura do Colégio Agrícola de Apucarana é diferenciada e ideal para por em prática a educação digital, voltada para o agronegócio. “Nós queremos ver aplicados estes novos conceitos nos cursos do Colégio Agrícola de Apucarana. Ao mesmo tempo, queremos ver esta instituição do estado com um número ampliado de alunos atendendo mais cidades da região”, assinala Junior da Femac. “Queremos o Agrícola com mil alunos estudando o que há de mais moderno na agropecuária”, concluiu.

Nenhum comentário: