PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 9626-2009
>

quarta-feira, 7 de novembro de 2018

Ocorrências registradas no Vale do Ivaí

Confira na íntegra as ocorrências registradas em Ivaiporã, Grandes Rios e Faxinal.

IVAIPORÃ
Data 06/11/18 Horário 21h40min Natureza Estupro ou atentado violento ao pudor Bairro Centro
Relato: Segundo varias ligações davam conta que uma moça estaria andando pela via pedindo por socorro. A equipe no local em contato com a adolescente que passou a relatar que estava próximo a agimotos no centro de Ivaiporã, quando passou uma camionete de cor prata e lhe ofereceu uma carona, a mesma disse que morava em jardim alegre e o condutor disse que levaria a mesma até jardim e ainda lhe pagaria um lanche, sendo que ao chegar próximo do trevo principal de Ivaiporã o mesmo acelerou pegou sentido a cidade de Arapuã, sendo que o mesmo entrou em uma estrada rural e pediu para que a mesma descesse e agarrou a mesma forçando ir para mata na intenção de realizar ato libidinoso com a garota que se desvencilhou do mesmo e saiu correndo pela rodovia pedindo por socorro, que o condutor da camioneta ainda tentou atropelar a mesma saindo acelerado sentido a Ivaiporã. A adolescente não soube informar quem seria o autor, que tinha as características gordo, careca, branco, com as veste calça jeans, blusa branca e tênis preto. Feito contato com o conselho tutelar de jardim alegre, que esteve presente nesta 6ªCIPM e conduziu a adolescente até sua residência.


GRANDES RIOS
Data 06/11/18 Horário 15h00min Natureza Apoio a outros orgãos Bairro Centro
Relato: está equipe de serviço foi acionada via COPOM para prestar apoio a delegacia de policia civil de grandes rios, a fim de realizar escolta do detento para audiência de custodia .

FAXINAL
Data 06/11/18 Horário 17h10min Natureza Noticia de Fato futuro Bairro Centro
Relato: Equipe foi acionada, dando ciência que, estaria ocorrendo uma violação de domicilio. No local equipe conversou com a solicitante a qual passou a relatar que na casa dos fundos de sua residência mora a sua filha. A solicitante relata que algumas pessoas que a mesma não conhece estavam frequentando a residência dos fundos do quintal onde mora a sua filha e que não queria mais essas pessoas na residência. Em conversa com a filha da solicitante a mesma informou que quem estaria frequentando a residência seria a sua filha e alguns amigos da mesma porem que não houve qualquer tipo de violação de domicilio. Diante dos fatos ambas as partes foram orientadas quanto aos procedimentos legais a serem adotadas ao caso.

Nenhum comentário: