PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 9626-2009
>

segunda-feira, 29 de outubro de 2018

Criança morre ao ser baleada em Ponta Grossa; suspeito fala em tiro acidental

Situação ocorreu na noite de domingo (28), no Paraná. Segundo a PM, suspeito de atirar é padrinho da criança; ele foi preso. Ele estava em casa, na Vila Vilela, no Jardim Carvalho, no momento em que foi ferido. O suspeito de atirar, de 28 anos, é amigo da família e foi preso em flagrante por homicídio – de acordo com as polícias Militar (PM) e Civil, o homem é padrinho da vítima. “Segundo informação dos pais e do executor dos disparo, foi uma situação acidental. Ele estava manuseando a arma e acabou realizando o disparo acidental”, disse o tenente do Corpo de Bombeiros Paulo Ribeiro. Depois do tiro, os bombeiros foram, então, chamados e encontraram a família na Avenida Bonifácio Vilela, já levando a criança para o hospital. “Chegando ao local, já havia uma ambulância, que passava por lá, fazendo o primeiro atendimento. Demos continuidade ao atendimento. Entretanto, a criança acabou não resistindo”, acrescentou Ribeiro. Ainda conforme o tenente, a bala atravessou o peito do menino, que já estava sem os sinais vitais quando os bombeiros chegaram. O corpo dele foi recolhido pelo Instituto Médico-Legal (IML). De acordo com a PM, o pai do menino, que usa tornozeleira eletrônica, também foi levado para a delegacia depois que os policiais acharam 248 gramas de maconha e 44 gramas de cocaína, além de duas balanças de precisão e dinheiro em espécie, na casa da família. Os dois presos devem passar por audiência de custódia nesta segunda-feira (29) – na audiência de custódia, o juiz decide se mantém os dois presos ou não. Ambos estão à disposição da Justiça na 13ª Subdivisão Policial (S.D.P) de Ponta Grossa. Até a última atualização desta reportagem, a arma do crime – uma pistola 380 – não tinha sido encontrada. O corpo da criança é velado na Capela Santo Antônio, no Jardim Carvalho. O sepultamento está marcado para as 16h desta segunda-feira, no Cemitério São João Batista, no bairro Uvaranas. Informações atualizadas pelo Ivaiporã Noticias.

Nenhum comentário: