PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 9626-2009
>

sábado, 15 de setembro de 2018

“Entrei aqui um homem honrado e saio daqui um homem honrado”, diz Richa após deixar a prisão

HABEAS CORPUS NO STF
O ex-governador Beto Richa (PSDB) deixou por volta das 0h40 deste sábado (15) o Regimento da Polícia Montada, em Curitiba, onde ficou preso por quatro dias. Liberado após uma decisão do ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), o tucano conversou rapidamente com a imprensa. Richa prometeu retomar a campanha ao Senado e questionou a credibilidade do delator Tony Garcia. “Entrei aqui um homem honrado e saio daqui um homem honrado”, assinalou o ex-governador. Richa foi preso juntamente com 14 pessoas na Operação Rádio Patrulha, que apura supostos desvios no programa “Patrulha do Campo”. Entre os detidos estavam a esposa dele, Fernanda Richa, e o irmão Pepe Richa. Todos foram beneficiados pela decisão de Gilmar Mendes. O ex-governador falou por dois minutos com a imprensa, mas não respondeu a perguntas. "O que fizeram comigo é uma crueldade enorme, não merecia o que aconteceu. Estou de cabeça erguida. Continuo respondendo a todas as acusações", afirmou. Ele criticou o delator. “Lamento que a palavra de um delator cujo histórico de vida não demonstra nenhuma credibilidade... Eu pergunto: vale a palavra dele ou a minha?”, questionou. “Estou esgotado e agora vou encontrar a minha família. E volto para minha campanha”, finalizou. (TN)

Nenhum comentário: