PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 9626-2009

segunda-feira, 8 de outubro de 2018

Preso morre de infarto logo após fugir de Cadeia Pública

Preso morre de infarto logo após fugir de Cadeia Pública - Imagem ilustrativa -  Reprodução /Imagem ilustrativaUm detento morreu na sexta feira (06) poucas horas depois de fugir da Cadeia Pública da Delegacia de Polícia Civil de Rebouças (sul do Paraná). Osmair de Toledo, de 55 anos, foi encontrado em óbito causado por um infarto.   Na oportunidade, uma mulher informou a Polícia Militar (PM) que um homem estava caído na localidade de Saltinho e não se movia. No local, os policiais constataram que o homem já estava morto. Em consulta ao sistema, os PMs constataram que o ele havia fugido da Cadeia Pública de Rebouças. Os policiais militares entraram em contato com a Polícia Civil para verificar a situação. Em seguida, um investigador fez vistoria na carceragem e constatou que três presos fugiram durante madrugada de ontem, após rompimento da grade de ventilação da cela.  O detento encontrado morto não apresentava sinais de violência no corpo. Ele sofreu apenas algumas escoriações em função da fuga e da queda na via pública. Uma equipe do Instituto Médico Legal (IML) de Ponta Grossa esteve no local e recolheu o corpo do fugitivo para exame de necropsia. Os outros presos que fugiram da Cadeia Pública de rebouças continuam foragidos. São eles: Luiz Laurindo Ferreira Junior, conhecido por “Juninho”, de 25 anos, e Divalcir Marques Trindade, 29 anos. 
Alta periculosidade
A PM ressalta que ambos são de alta periculosidade e pede para que a população auxilie com informações que possam ajudar a localizá-los. Informações podem ser repassadas de forma anônima no telefone 190. 

Nenhum comentário: