PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 9626-2009

quarta-feira, 3 de outubro de 2018

IVAIPORÃ - Prefeitura lança programa Ivaiporã Frutifica e incentiva produtores rurais

A Prefeitura lançou o programa Ivaiporã Frutifica, por intermédio dos Departamentos Municipais de Agricultura e de Indústria, Comércio, Turismo e Agronegócio. Coordenado pela engenheira agrônoma Maria Helena da Cruz, o programa oferece consultoria aos produtores rurais e incentiva investir na fruticultura. O prefeito de Ivaiporã, Miguel Amaral, explicou que o objetivo é incentivar o produtor rural a investir no agronegócio e aumentar a renda familiar. “A administração municipal apoia a agricultura familiar, porque gera renda e empregos no setor, além de refletir na economia e na valorização do homem no campo”, defendeu Miguel Amaral. A engenheira agrônoma Maria Helena da Cruz realiza o levantamento dos produtores de fruticultura no município, onde a comercialização da goiaba, por exemplo, recebe incentivo do programa Ivaiporã Frutifica, esclarece dúvidas dos produtores e auxilia nas plantações. No Sítio Magri – distrito do Jacutinga, o agricultor familiar Edson Magri recebe incentivo do programa, produz goiaba e fornece por meio do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) – conhecido como merenda escolar, que é gerenciado pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). “Produzo goiaba e passei a fornecer ao município de Ivaiporã por meio do PNAE. O apoio técnico dado pela engenheira agrônoma Maria Helena da Cruz é importante e espero aumentar a produção da fruta”, desejou Edson Magri, que agradeceu à Prefeitura de Ivaiporã pelo apoio ao agronegócio e espera colher este ano cerca de 10 mil quilos de goiaba – o dobro colhido em 2017. O diretor do Departamento Municipal de Agricultura, Adir Salla, afirmou que a administração municipal trabalha para dar suporte à agricultura familiar. “É importante incentivar a fruticultura no município e oferecer condições aos produtores rurais para que aumentem a produção, comercialização e a renda”, declarou Adir Salla. Por outro lado, a diretora do Departamento Municipal de Indústria, Comércio, Turismo e Agronegócio, Rosana Pagé, coordena o trabalho de legalização da agroindústria em parceria com a Emater.

Nenhum comentário: