PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 9626-2009

segunda-feira, 3 de setembro de 2018

Sepultamento de policiais foi marcado por emoção e tristeza em Ivaiporã

Foi sepultado às 11 horas desta segunda-feira, no cemitério de Ivaiporã, o corpo do subtenente Luiz Antônio Abbá, morto ontem de manhã pelo soldado Lucas Santos Araújo, 26 anos, que chegou fardado no quartel e atirando na viatura onde ele estava. O policial que dirigia a viatura, soldado Robson Alves Medina, também foi alvejado e morreu. Após o duplo homicídio, o atirador se matou, disparando contra o ouvido. Um outro policial que estava na viatura não se feriu. De acordo informações da Polícia Militar de Ivaiporã, o clima é de muita tristeza na cidade. O subtenente Luiz Antonio atuava há 29 anos na PM do município e era frequentador da Igreja Assembleia de Deus, onde seu corpo foi velado. O outro policial morto, Robson Medina, foi velado na Igreja Católica da cidade de Arapuã e o sepultamento está marcado para as 15 horas de hoje, no cemitério local. Já o corpo do soldado Lucas Araújo, autor do crime está sendo velado em Pitanga, porém o horário do sepultamento não foi divulgado. O CRIME - De acordo com as informações, o crime pode ter sido cometido por represália a um procedimento administrativo que Santos sofreu – fato comum na corporação militar para corrigir alguma atitude negativa do policial. O subtenente Abbá seria encarregado pela condução do procedimento. Santos era lotado na cidade de Ariranha do Ivaí e se apresentou na 6ª Companhia Independente da Polícia Militar de Ivaiporã na manhã deste domingo, no momento da troca de turno. Os policiais saiam com uma viatura, quando foram surpreendidos pelos tiros disparados pelo soldado. O Subtenente Abbá morreu na hora, enquanto o soldado Medina chegou a ser hospitalizado, mas não resistiu aos ferimentos. O atirador ainda teria continuado disparando contra outros policiais que estavam na sede da PM, os quais revidaram. Com isso, Santos saiu correndo do quartel e atirou contra a própria cabeça, morrendo na hora.

Nenhum comentário: