PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 9626-2009

segunda-feira, 21 de maio de 2018

IVAIPORÃ - Prefeitura realiza passeata referente ao Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes

Nesta sexta-feira, dia 18 de maio, dezenas de alunos da rede municipal de ensino, projetos sociais Renascer, Casa de Vivência/Casa do Adolescente e Centro da Juventude, bem como da Apae (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais) participaram da passeata, promovida pela Prefeitura de Ivaiporã, por meio dos Departamentos Municipais de Assistência Social, Educação e Saúde, referente ao Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, que abordou o lema “Faça bonito. Proteja nossas crianças e adolescentes”. Os alunos e professores se concentraram em frente à Paróquia Bom Jesus e, em seguida, percorreram em direção à Prefeitura de Ivaiporã, passando pelo centro da cidade, com apoio da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros. Durante o percurso, os comerciantes e funcionários assistiram e apoiaram a causa. A diretora do Departamento Municipal de Assistência Social, Gertrudes Bernardy, afirmou que normalmente são denunciados casos de abuso sexual contra crianças ou adolescentes, após ações de conscientização. Por isso, defendeu a importância de alertar a população em casos suspeitos. “Agradeço ao comandante da 6ª Companhia Independente da Polícia Militar, major Sagati, e ao comandante do 1º Subgrupamento Independente do Corpo de Bombeiros, capitão Rafael Galante, porque sempre atendem as nossas solicitações para fazer parte das ações da Prefeitura”, declarou Gertrudes Bernardy, reforçando que é preciso dar um basta ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolescentes. Os Departamentos Municipais de Assistência Social, Educação e Saúde contaram também com a parceria do Bombeiro Mirim Integrado, Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente (CMDCA), Conselho Tutelar, Centro de Referência da Assistência Social (Cras), Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), Núcleo Regional de Educação, Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de Ivaiporã e Fatec (Faculdade de Tecnologia do Vale do Ivaí). O prefeito Miguel Amaral parabenizou as instituições pela mobilização e sugeriu aos professores e familiares permanecer atentos a qualquer indício de violência sexual, física ou psicológica contra crianças e adolescentes. Casos no Paraná - De acordo com a Sesp (Secretaria de Estado da Segurança Pública), em 2017, foram registrados 1.637 casos de estupro de vulneráveis no Paraná, cujas vítimas tinha até 12 anos. Além disso, houve 16 casos com lesão corporal grave e 3 vítimas fatais. E, entre janeiro e abril, foram registrados 562 casos de estupro de vulneráveis – 5 com lesão corporal grave e 1 vítima fatal. Na quinta-feira, 17 de maio, o Governo Federal realizou a maior operação de combate à pornografia infantil na história do Brasil. A Operação Luz na Infância 2, coordenada pelo Ministério Extraordinário da Segurança Pública, ocorreu em 24 Estados e no Distrito Federal.

Nenhum comentário: