PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 9626-2009

quarta-feira, 16 de maio de 2018

APUCARANA - Promotor orienta e incentiva a denúncia de crimes contra crianças

O promotor de Justiça Caio Bergamo Arcangelo Marques, titular da Promotoria da Vara da Infância e Juventude de Apucarana, participou de um “bate papo” com profissionais da área de Assistência Social, Educação, Saúde e Segurança sobre a temática de denúncias contra crimes praticados contra crianças e adolescentes em um evento promovido pela Secretaria Municipal de Assistência Social, nesta quarta-feira (16), no anfiteatro da Praça Ceu. Na abertura do evento, a secretária de Assistência Social, Ana Paula Nazarko, agradeceu a presença de todos e pediu para que os envolvidos façam com as pessoas denuncie os crimes praticados contra crianças e adolescentes. “Com as denúncias acontecendo, com certeza a violência irá cessar”, disse a secretária. Em sua fala, o promotor abordou aspectos relativos à atuação do Ministério Público no âmbito da defesa dos interesses individuais indisponíveis, dentre os quais se inclui o direito da criança e adolescente. Ele falou sobre os deveres da família, sociedade e Estado em garantir respeito aos direitos das crianças e adolescentes, os protegendo de toda forma de negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade e opressão. O promotor de Justiça destacou ainda, questões relativas ao abuso sexual na família, à necessidade de romper o silêncio e sobre a importância da denúncia como forma de punir os responsáveis e coibir novos abusos. O promotor Caio Bergamo orientou, também, sobre o papel dos pais e dos educadores no trato com as crianças e adolescentes vítimas de abuso ou exploração sexual, o dever de denunciar às autoridades competentes e o procedimento adotado desde a comunicação do fato até a instauração do processo judicial.  Ele também ressaltou a importância do “Disque 100”, que é um serviço de utilidade pública e que permite o atendimento às vítimas de violações de direitos humanos. O evento realizado em antecipação ao Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, lembrado no dia 18 de maio, contou com a presença de assistentes sociais, psicólogos, professores, conselheiros tutelares, enfermeiras, guardas municipais, policiais civis, entre outros.

Nenhum comentário: