PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 9626-2009

quarta-feira, 7 de março de 2018

Tiroteio em posto de combustíveis na BR-376 termina com dois caminhoneiros mortos

O homem, armado com uma espingarda, atirou contra o rival. O pai do rapaz baleado, ao ver o filho ferido, conseguiu atirar contra o caminhoneiro
Um tiroteio assustou quem estava num posto de combustível e acabou com dois homens mortos na manhã desta segunda-feira (5). A ação aconteceu na Planta São Marcos, às margens da BR-376, em São José dos Pinhais, Região Metropolitana de Curitiba (RMC) e teria sido motivada por uma suposta briga de família envolvendo caminhoneiros. Conforme informações preliminares, que ainda estão sendo apuradas pela Polícia Civil, os dois envolvidos tinham uma rixa antiga. Quando se encontraram, os dois teriam discutido e a briga foi seguida pelos disparos. Segundo o que foi passado aos policiais militares, um dos caminhoneiros estaria relacionado a um assassinato de um familiar do outro caminhoneiro, que aconteceu no passado. O homem, armado com uma espingarda, atirou contra o rival. O pai do rapaz baleado, ao ver o filho ferido, conseguiu atirar contra o caminhoneiro. “Só não sabemos se ele usou uma arma menor ou se conseguiu pegar a espingarda para atirar”, disse o subtenente Padilha, da Polícia Militar (PM). Apesar de as equipes da PM terem chegado rapidamente ao local, o pai do caminhoneiro conseguiu sair do pátio do posto de combustível em tempo. “Essas situações, quando envolvem família, poderiam ser resolvidas dentro de casa. Mas acabou dessa forma, em tragédia”, comentou o subtenente, que informou ainda que um dos mortos já tinha registrado, no passado, um boletim de ocorrência contra o outro por ameaça. O crime vai ser investigado pela Delegacia de São José dos Pinhais e a Polícia Civil conseguiu até imagens de câmeras de segurança que registraram a ação. A espingarda usada no crime foi apreendida e deve ser periciada. Foto Marco Pires e informações do portal Tribuna do Paraná, LEIA MAIS.

Nenhum comentário: