PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 9626-2009

quarta-feira, 7 de março de 2018

Ex-vereador de Londrina é condenado a 22 dias de prisão

O ex-vereador de Londrina, no norte do Paraná, Emerson Petriv, conhecido como Boca Aberta foi condenado a 22 dias de prisão em regime semiaberto. Ele foi enquadrado por perturbação de sossego. A decisão é de segunda-feira (5). A condenação é referente a confusão provocada pelo ex-parlamentar na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Jardim do Sol, em janeiro de 2017. Na noite do dia 11 de janeiro de 2017, o ex-parlamentar foi até a UPA alegando ter recebido denúncias de usuários sobre a demora no atendimento. Na época, ele assinou um termo circunstaciado por ter atrapalhado o andamento do trabalho dos profissionais de saúde e perturbação de sossego. À Polícia Civil, o ex-parlamentar disse apenas que agiu no exercício da função de vereador, pois foi fiscalizar o trabalho dos profissionais. Apesar da condenação em primeira instância, Boca Aberta poderá responder ao processo em liberdade. Boca Aberta informou que vai recorrer da decisão. Disse que não foi ouvido nesse processo e acabou sendo condenado mesmo assim. O ex-vereador teve o mandato cassado em outubro de 2017 e usa tornozeleira eletrônica por ter descumprido uma ordem judicial de manter distância de 500 metros de três vereadores. Informações da Jornalista Silvia Vilarinho da 98 FM de Apucarana.

Nenhum comentário: