PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 9977-1422

quarta-feira, 8 de novembro de 2017

IVAIPORÃ - Mais 2 empresas podem se instalar no Parque Industrial I

O município de Ivaiporã desperta interesse em mais investidores. Trata-se do empresário Divonei Pereira dos Santos, proprietário da ADM Montagens, e dos sócios Júlio César Silveira e Juliano Matiazi Paulini, proprietários da empresa Overview Reciclagem, que tem sede em Curitiba. Divonei Santos, Júlio César Silveira e Juliano Paulini pretendem participar da próxima licitação para concorrer aos barracões do Parque Industrial I de Ivaiporã. Os empresários estiveram reunidos com o prefeito de Ivaiporã, Migue Amaral, diretor do Departamento Municipal de Indústria, Comércio, Turismo e Agronegócio, Marcus Wielewski, e com o controlador interno, Sérgio Ribeiro da Silva, na sexta-feira, dia 3 de novembro, quando explicaram a intenção de investir no município por considerar uma cidade promissora. O objetivo dos empresários é investir no Parque Industrial I – localizado às margens da PR-466 e próximo ao Campus do IFPR. Conforme afirmou o prefeito Miguel Amaral, os empresários que têm interesse em investir no município e gerar empregos são bem-vindos. “Nesse aspecto, a Prefeitura oferece incentivos visando beneficiar as famílias com geração de emprego. Por isso, a profissionalização é muito importante”, defendeu o prefeito. Sobre a geração de emprego, Miguel Amaral citou exemplo das empresas que se instalaram em Ivaiporã, tais como Farmácia Nissei, Magazine Luiza e a For Boys For Girls – além da construção do Hospital Regional, cuja obra inicia com contratações feitas pela Construtora Guetter. O prefeito lembrou que o país passa por uma crise econômica e política, enquanto Ivaiporã registra investimentos e geração de empregos. “Inclusive, as obras que serão iniciadas pela Sanepar irão gerar entre 20 e 50 postos de trabalho. Portanto, vamos continuar trabalhando para Ivaiporã crescer de forma planejada e segura, e dar sequência aos projetos deixados pelo ex-prefeito Carlos Gil”, informou Miguel Amaral. Marcus Wielewski disse que, esta semana, será divulgada a licitação referente aos barracões e terrenos no Parque Industrial I e II de Ivaiporã. “Com as indústrias que têm pedidos formalizados, e as demais interessadas, vamos assegurar mais investimentos no município”, declarou Wielewski. As empresas interessadas devem apresentar o pedido à Comissão Municipal de Avaliação Industrial, que vai determinar, por meio de critérios técnicos, se a empresa está apta ou não a reivindicar um lote maior. O que determina as empresas vencedoras da licitação é o número de empregos diretos que devem ser gerados. Estão instaladas no Parque Industrial I: L&M Estofados, Graficativa e Ivaí Mármore – e outras que estão em fase de análise. Divonei Santos se mostrou interessado em adquirir um galpão no Parque Industrial I onde possa montar, por exemplo, silos, secadores, fabricar elevadores, peças e fornalhas para granja, e oferecer manutenção em geral na área industrial. “Fabrico com a empresa Consvale, porque não disponho de espaço adequado. Mas aumentou a quantidade de pedidos. Por isso, preciso de mais espaço”, explicou o empresário. Potencialidades do município - Após 6 anos de pesquisas acerca das potencialidades do município, Júlio Silveira e Juliano Paulini recorreram à Prefeitura de Ivaiporã e explicaram que a localização do município é um dos fatores positivos para investir na área de reciclagem de produtos elétricos e eletrônicos. “O processo vai do recebimento da coleta à transformação dos produtos. Após a descaracterização dos produtos geramos matéria-prima para a indústria. Um monitor de TV, por exemplo, serve para gerar placas, alumínio ou vidro”, comentou Júlio Silveira. Segundo os empresários, o vidro também é transformado em pó, que pode ser usado por determinadas indústrias para sinalizar faixas de trânsito, produtos para unhas, lãs de vidro – utilizadas tanto para isolamento térmico como para tratamento e isolação acústica, fornos e micro-ondas. “Ivaiporã é uma cidade promissora e está bem localizada geograficamente. Por isso, temos interesse em expandir os nossos investimentos”, reforçou Júlio Silveira, assegurando que a Overview Reciclagem cumpre a Lei Federal 12305/2010, que estabelece a Política Nacional de Resíduos Sólidos. “Somos devidamente regularizados perante a Secretaria de Estado do Meio Ambiente e o Instituto Ambiental do Paraná”, acrescentou o empresário. Por outro lado, Juliano Paulini disse que o material que será reciclado em Ivaiporã permanecerá no município e, após processamento, irá gerar renda. De acordo com Juliano Paulini, quando a empresa estiver instalada no Parque Industrial I, a população será informada como poderá entregar material elétrico e eletrônico.

Nenhum comentário: