PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 9977-1422

quarta-feira, 18 de outubro de 2017

MEIO AMBIENTE - Coordenação da Bacia do Alto Ivaí notifica municípios sobre controle da água de poços artesianos

Imagem Ilustrativa
A Coordenação Regional da Bacia Hidrográfica do Alto Ivaí (órgão do Ministério Público do Paraná, ligado ao projeto estratégico Rede Ambiental das Bacias Hidrográficas), emitiu notificações às prefeituras dos municípios que compõem a Bacia, buscando verificar a qualidade da água proveniente de poços artesianos. O objetivo foi analisar as outorgas de captação da água de poços artesianos em Iretama, Luiziana, Janiópolis, Mato Rico, Marilândia do Sul, Bom Sucesso, Farol, Lidianópolis, Boa Ventura de São Roque, Mauá da Serra e Ariranha do Ivaí. A ação busca assegurar a potabilidade da água que abastece a população, inclusive nas áreas rurais, onde não há análise da água desde sua perfuração, bem como levar conhecimento aos moradores desses locais, para que adotem medidas que assegurem a qualidade dos poços e auxiliem os órgãos de fiscalização quando houver indícios de contaminação. Foram verificadas diversas irregularidades, o que levou o MPPR, por meio da Coordenação Regional da Bacia, a oficiar aos municípios que apresentaram problemas para que providenciem as adequações necessárias nos poços tubulares que abastecem as cidades. Apenas os municípios de Lidianópolis e Ariranha do Ivaí apresentaram situação regular. Em todos os demais, foram constatadas irregularidades. Além disso, em Luiziana, análises da água realizadas pela Vigilância Sanitária do município constataram a presença de coliformes acima do aceitável nas amostras de diversos poços, exigindo providências corretivas para garantir a qualidade da água. A ação se insere nas atribuições da Coordenação Regional, que orienta a atuação conjunta e integrada das Promotorias de Justiça de Proteção ao Meio Ambiente integrantes da Bacia Hidrográfica do Alto Ivaí, averiguando os mananciais de abastecimento de água, a carga de agrotóxico utilizada pela atividade agropecuária e a contaminação do lençol freático e dos alimentos produzidos na região. Por Assessoria de Comunicação do Ministério Público do Paraná.

Nenhum comentário: