PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 9977-1422

sexta-feira, 25 de agosto de 2017

Polícia prende quem descumpriu regras da tornozeleira eletrônica

Dezesseis pessoas monitoradas por tornozeleira eletrônica foram presas nesta quinta-feira (24) durante a Operação GPS IV, deflagrada pela Secretaria da Segurança Pública e Administração Penitenciária do Paraná, com apoio das polícias Civil e Militar e do Depen-PR.Dois homens estão evadidos, um deles responde por homicídio em Londrina e outro foi preso por furto em Curitiba. Eles estão sendo procurados pelas forças de segurança do Paraná. Os monitorados tiveram o mandado de prisão expedido pela Justiça do Paraná por descumprir as regras do uso do equipamento – a principal delas, deixar a tornozeleira descarregada. Desta forma, eles perdem o benefício da tornozeleira e retornam para o sistema fechado. Entre os alvos da ação policial estão detentos que respondem por crimes como furto, roubo, tráfico de drogas, estupro, falta de pagamento de pensão alimentícia.Três mulheres foram detidas, uma delas está grávida de seis meses. “Deflagrar operações como esta é parte do trabalho com as tornozeleiras. A medida em que vamos aplicar mais tornozeleiras, vai haver necessidade de mais operações. É a forma de se punir aquele indivíduo que quebra a determinação judicial, que não atende às normas a que ele se sujeita quando recebe o benefício”, disse o secretário da Segurança Pública, Wagner Mesquita. MAIORIA CUMPRE – Dos mais de 5 mil indivíduos que hoje estão sujeitos à fiscalização por utilizarem a tornozeleira eletrônica, apenas 10% cometem algum tipo de descumprimento. “Isso quer dizer que a grande maioria efetivamente cumpre aquilo que o juiz determinou e está integrados à sociedade”, acrescentou o secretário. LEIA MAIS.

Nenhum comentário: