PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9 9977-1422

segunda-feira, 7 de agosto de 2017

APUCARANA - Empresários apresentam projeto de centro corporativo de R$ 80 milhões

O prefeito de Apucarana, Beto Preto, conheceu o projeto que prevê a construção de um centro corporativo de 24 pavimentos. O prédio exigirá investimentos de R$ 80 milhões e será o maior prédio empresarial de Apucarana. A torre comercial será edificada onde hoje está localizado o estacionamento externo do Shopping Centronorte, que terá dois de seus pavimentos ampliados. As vendas de salas do novo prédio devem começar em 60 dias. O projeto foi mostrado ao prefeito, em encontro realizado recentemente na Prefeitura de Apucarana, e que contou com a presença de empresários do setor imobiliário da cidade e a direção do shopping, responsáveis pelo empreendimento. Estiveram presentes  o engenheiro civil Luiz Antônio Rodriguez, sócio-proprietário da Construtora Dr Engenharia, Alonso Sanches, proprietário da Sanches Imóveis, Leandro Brambila, presidente do Condomínio do Shopping Centronorte, engenheiro  Herivelto Moreno, secretário municipal de Obras, e o vereador Gentil Pereira. Beto Preto afirma que o anúncio do investimento demonstra que o Plano Diretor de Apucarana está tendo resultados positivos, além de refletir a credibilidade do Município diante dos investidores. “Esse grande volume de investimentos, da ordem de R$ 80 milhões, mostra essa credibilidade, além de outros investidores que ainda irão se somar a essa obra de grande porte”, avalia Beto Preto. O centro corporativo será construído em um espaço de 4,2 mil m² e a área construída deverá ultrapassar os 44 mil m². “Estamos em fase de finalização de projeto. Nossa intenção é trazer o que há de mais moderno em termos estruturais para o edifício. Ele será um marco na história da cidade, como foi o Palácio do Comércio por exemplo, mas com toda a modernidade disponível atualmente”, destaca Alonso Sanches, um dos empresários que idealizaram o projeto. O arquiteto Leonardo Britici foi quem desenvolveu o projeto arquitetônico. A construção ficará à cargo da DR Engenharia, de Arapongas, e será feita à preço de custo, deixando mais acessível a compra de um espaço no prédio. As vendas das salas comerciais devem ter início nos próximos 60 dias, mas já existem pré-reservas sendo feitas. A comercialização ficará à cargo da Sanches Imóveis e imobiliárias parceiras. “Acreditamos que há uma grande demanda reprimida em termos de edifício comercial em Apucarana. Há tempos, não há um empreendimento empresarial deste porte na cidade. Este é um projeto que foi minuciosamente estudado ao longo de anos e que agora começa a sair do papel”, afirma Alonso.



ESTRUTURA Dos 24 pavimentos a serem construídos, três deles serão destinados a vagas de estacionamento. As 461 novas vagas serão conectadas ao estacionamento atual do shopping, aumentando a capacidade total para mais de 700 veículos. O primeiro pavimento do edifício, que coincide com o terceiro pavimento do shopping, acomodará 34 grandes espaços comerciais e o acesso será pela recepção da torre. Estes espaços são destinados para atender um grupo diversificado de serviços, como escritórios corporativos, academias, centros educacionais, universitários, entre outros. O segundo pavimento é uma extensão da praça de alimentação do shopping. O restante da torre abrigará mais 306 espaços comerciais diversificados. Cada pavimento será composto por 11 salas de 70 m² e outras 6 salas de 40 m² cada, totalizando 17 salas por pavimento. Para atender o grande fluxo de pessoas, serão 10 novos elevadores inteligentes, que diminuem o tempo de espera. Um deles terá dimensão hospitalar, com espaço para levar uma maca, favorecendo a possibilidade de instalação de consultórios e clínicas médicas e de estética no edifício. O prédio será construído em forma de ‘S’. No topo da torre haverá um heliponto. Em situações emergenciais, o centro corporativo estará preparado para dar todo o suporte necessário. “E o melhor local da cidade para um empreendimento deste porte, além de conciliar a estrutura com o shopping. O prédio será uma importante referência, não apenas para o município, mas para toda a região”, destaca o arquiteto Leonardo Britici, que desenvolveu o projeto arquitetônico.

Shopping terá pavimentos estendidos O projeto prevê que o pavimento térreo do shopping será alongado, ganhando 13 novos pontos comerciais, cada um com área aproximada de 70 m², e uma loja-âncora, com área superior a 1 mil m². Neste pavimento também ficará localizada a recepção da nova torre, com controle de acesso por biometria e cartão magnético. “Será um grande empreendimento que, com certeza, trará muitos benefícios para Apucarana. O shopping ficará ainda maior e melhor, além de ter uma torre desta magnitude em anexo”, destaca o diretor financeiro do Shopping Centronorte, Umberto Cilião Sacchelli. O último pavimento do shopping também será estendido. Além de ampliar a praça de alimentação, o cinema será transferido para um local estratégico e contará com três salas de projeção. Neste pavimento também foram contemplados dois auditórios com capacidade para 180 pessoas e mais 21 espaços comerciais. O novo acesso ao shopping contemplará um pé-direito de aproximadamente 7 metros de altura, possuindo ainda um jardim com palmeiras e espelho d’água. Do acesso principal do shopping atual ao novo acesso, pela rua Munhoz da Rocha, os usuários percorrerão 152 metros, dando a sensação de shopping em nível térreo. Fonte: Jornal Tribuna do Norte (com assessoria Prefeitura)

Nenhum comentário: