PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9977-1422

quarta-feira, 19 de abril de 2017

Vereador Boca Aberta usa algemas, mordaça e colete balístico em sessão da Câmara

Vereador protestava contra punição aplicada pela Comissão de Ética por desacato contra servidores
Durante a sessão ordinária na Câmara Municipal de Londrina desta terça-feira (18), o vereador Emerson Petriv, o Boca Aberta (PR), causou tumulto mais uma vez ao entrar em plenário algemado, de colete à prova de balas e com uma mordaça. Boca Aberta não concorda com a punição aplicada pela Comissão de Ética, que em seu relatório apontou que ele teria agido com excesso e desacato contra servidores da UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Jardim do Sol, durante sua Blitz da Saúde, em janeiro deste ano. O vereador foi punido com uma advertência por ter infringindo o inciso III, do artigo 8º do Código de Ética e Decoro Parlamentar. Na sessão pública da segunda-feira (17), Boca Aberta discursou contra os membros da comissão os vereadores Gerson Araújo (PSDB), Jamil Janene (PP) e Vilson Bittencourt (PSD), que segundo ele não perderiam telo julgado, já que respondem por alguns processos na justiça comum. O presidente da Câmara, Felipe Barros, ao ver o vereador algemado e amordaçado, pediu para que deixasse o local imediatamente. Foi aí que o clima ficou tenso mais uma vez, com a revolta de Jamil Janene. Após o tumulto Émerson Petriv voltou para o plenário como se nada tivesse acontecido. O procurador da Câmara Miguel Aranega foi chamado por assessores para dar seu parecer. A Comissão de Ética da Câmara de Londrina vai levar os problemas envolvendo Boca Aberta para Mesa Diretora da casa no sentido de pedir a abertura de dois procedimentos para punir ou não o vereador. Informações da redação Catve.com/Londrina, LEIA MAIS.

Nenhum comentário: