PARA CONTATOS ADICIONE O EMAIL: studiowj@hotmail.com OU (43) 9977-1422

quinta-feira, 20 de abril de 2017

Brasileiro ainda lê poucos livros

Livros mais lidos hoje pelos jovens costumam estar associados a fenômenos culturais
Revistaforum/TV Cultura - Os hábitos de leitura dos brasileiros mudaram. Várias plataformas para além do papel nos conduzem ao texto. Os mais jovens tendem a ler obras relacionadas com conteúdo multimídia. É comum que, ao final do ano, depois de pesquisas de comportamento de leitores e de compradores de livros, sejam dadas notícias de que o brasileiro lê pouco. Se considerarmos os dados da pesquisa Retratos da Leitura, realizada em 2015 pelo instituto Pró Livro e publicado no site da Câmara Nacional de Livros em 2016, nos deparamos com um cenário um pouco mais otimista que o noticiado, mas ainda cheio de questões que merecem atenção. De acordo com Luís Antonio Torelli, presidente da Câmara Brasileira do Livro "Não podemos afirmar de uma forma geral que o brasileiro lê pouco. Todos nós estamos a todo tempo lendo, consumindo informação, mas não necessariamente lendo livros. Segundo a pesquisa Retratos da Leitura no Brasil, realizado pelo Instituto Pró-livro, com apoio da Câmara Brasileira do Livro, Snel e Abrelivros, 56% da população brasileira é formada por leitores. Em 2011, eram 50%, então estamos crescendo, mas há ainda muitos leitores para conquistar. Sobre a questão da confusão entre quanto o brasileiro lê e quanto ele compra livros, devemos levar em consideração que existem muitas formas de consumir os livros, podemos comprar, pegar emprestado, ir à biblioteca. Por isso, não podemos definir o número de leitores pela quantidade de livros que são vendidos no país. ? Dentre os entrevistados da pesquisa, 77% afirmou que gostaria de ter lido mais e 43% não leram mais por falta de tempo. Entre os não leitores 32% disseram não ler também por falta de tempo. E de 2011 para 2015 a porcentagem de pessoas que disseram não gostar de ler caiu de 30% para 23%, aumentando o número de pessoas que gostam pouco ou gostam muito de ler. LEIA MAIS

Nenhum comentário: